Início » Últimas Notícias » AROM participa de reunião que discutiu realização do 1° Seminário Estadual de Saneamento Ambiental de Rondônia

AROM participa de reunião que discutiu realização do 1° Seminário Estadual de Saneamento Ambiental de Rondônia

A Associação Rondoniense de Municípios (AROM) participou, na última semana, de uma reunião para projetar, junto com outros órgãos, para compor o grupo organizador do 1° Seminário Estadual de Saneamento Ambiental de Rondônia. O objetivo é que aconteça em maio com a participação de prefeitos, secretários municipais, órgãos de governo e controle, consórcios públicos, instituições de educação e acadêmicos, evidenciando os avanços e desafios do setor.

Além da AROM, estavam na reunião representantes do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Agero, Ifro, Unir, Cisam, Cimcero, Assembleia Legislativa, Ministério Público, Tribunal de Justiça, Agevisa, Caerd, Lacem, Sedi, Sedam e Funasa.

Conforme discutido, o propósito é inserir o saneamento básico na agenda de debate político e promover o tema na opinião pública. Dessa forma, ao unir esforços dos atores envolvidos na responsabilidade de promover o saneamento, encontrar caminhos para que os municípios desenvolvam e executem políticas públicas no âmbito do saneamento básico.

O superintendente da Funasa, Célio Lopes, anunciou que o órgão em Porto Velho está organizando uma sala para atendimento aos prefeitos e técnicos municipais, no apoio em elaboração de projetos de saneamento para os municípios.

Existe ainda uma perspectiva de aporte financeiro, por parte do governo federal, para investimento em saneamento básico rural, no valor de R$ 21 bilhões. “Trabalhar para que o Estado e os municípios se beneficiem desse recurso é um desafio que precisamos assumir com responsabilidade”, disse o Célio Lopes.

O presidente da AROM, Cláudio Santos, destaca que os municípios precisam de suporte para conseguirem desenvolver projetos de saneamento básicos. “É uma área com pouco recursos, mas tão necessária quanto qualquer outra, pois traz melhorias para a qualidade de vida da nossa população, além de melhorar o aspecto da cidade”, diz Santos

Assessoria AROM