Início » Destaques » AROM e Fundo das Nações Unidas para a Infância realizam evento sobre Selo Unicef

AROM e Fundo das Nações Unidas para a Infância realizam evento sobre Selo Unicef

Acontece na próxima quinta-feira, dia 20, a apresentação da nova edição do Selo Unicef (2021-2024). O Evento on-line será realizado pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) em parceria com a Associação dos Prefeitos de Rondônia (AROM). Prefeitos, secretários de educação e assistência social devem participar para esclarecer as dúvidas sobre a certificação.

A palestrante será Ida Oliveira, especialista de comunicação do Unicef, e irá abordar diversos temas, como: O que é e para que serve e como funciona o Selo Unicef, além de esclarecer sobre os objetivos Desenvolvimento Sustentável e tirar as dúvidas dos participantes.

O Selo é uma certificação expedida pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) e existe desde 1999 para estimular gestões públicas a melhorar indicadores sociais de crianças e adolescentes. Recebem o documento as administrações municipais que reduzirem desigualdades e garantirem direitos.

Ao aderir ao Selo Unicef, o município assume o compromisso de desenvolver um conjunto de ações estratégicas de políticas públicas e de participação social, voltados para promover, garantir e realizar os direitos de crianças e adolescentes previstos na Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA)

Os municípios certificados com o Selo Unicef são  aqueles que, dentro das políticas públicas que envolvem crianças e adolescente, no âmbito do ECA, alcançam as maiores evoluções em indicadores sociais e que realizam atividades de participação social.

O presidente da AROM e prefeito de Urupá, Célio Lang, enfatiza a necessidade de os gestores estarem atentos aos desafios em ofertar políticas públicas de qualidade às crianças e adolescentes, principalmente neste cenário pandêmico. “O Selo Unicef é a certificação de que o gestor conseguiu promover ações e políticas que garantiram os direitos de crianças e adolescentes nos municípios. Buscar essa certificação é assumir um compromisso com o social de nossas comunidades, tão devastadas pela pandemia”, enfatiza.

Além dos gestores municipais, também já está confirmada a presença do Juiz da infância, Marcelo Tramontini, e do promotor de Justiça Dr Marcos Tessila.

Para conhecer os dados os indicadores de impactos sociais dos municípios conforme avaliação do selo Unicef 2017-2020, clique aqui https://www.selounicef.org.br/indicadores/2017-2020/rondonia.

Assessoria AROM

Além disso, verifique

Municípios devem apresentar decretos de calamidades em função da Portaria 618/21, relativa à Ação de Distribuição de Alimentos

Publicada no último dia 24 de março, a Portaria 618/2021, do Ministério da Cidadania, que …