Início » Notícias » “Um por todos e todos por um”; AROM convida servidores para apresentação do programa

“Um por todos e todos por um”; AROM convida servidores para apresentação do programa

Uma inciativa da Controladoria Geral da União (CGU) em parceria com o Instituto Maurício de Sousa, para alunos do ensino fundamental

A Associação Rondoniense de Municípios convida Secretários(as) municipais de educação e assistência social e coordenadores(as) pedagógicos(as) a participarem da apresentação do programa “Um por todos e todos por um, pela ética e cidadania” no dia 15 de julho. O programa UPT é uma inciativa da Controladoria-Geral da União (CGU) em parceria com o Instituto Maurício de Sousa, objetivando despertar nos estudantes do ensino fundamental o interesse por temas relacionados à ética e à cidadania.

A entidade municipalista tem atuado fortemente no setor de educação, realizando palestras, atendimentos individuais e demais esclarecimentos e avisos pertinentes. Outro ponto de fundamental importância para obtenção de ótimos resultados no setor público são as parcerias com órgãos do judiciário, que sempre disponibilizam os melhores conteúdos de suporte ao executivo.

Visando o contínuo forte trabalho em prol da educação nos municípios do estado, o presidente da Associação, Célio Lang, reforça o convite e ressalta a importância da participação dos servidores nestes programas que auxiliam na educação das nossas crianças. “É importante a participação de todos que atuam com as crianças, para que saibam de todos os benefícios que o programa oferece.”

UM POR TODOS E TODOS POR UM! PELA ÉTICA E CIDADANIA

O programa teve início no ano de 2009 e hoje tem reconhecimento nacional, com avaliação positiva de comunidades escolares do Brasil, e internacionais, pela iniciativa governamental de excelência, destinada a valorizar o comportamento ético e o exercício da cidadania entre as crianças e adolescentes.

Destaques conquistados através de seu objetivo de introduzir aos alunos da rede de ensino pública e privada, no nível fundamental, a experiências de aprendizagem relacionadas à ética e à cidadania.

A publicação da Portaria nº 1.840/2018  que regulamenta o Programa, e ainda permite que parceiros públicos e privados possam assinar um Termo de Adesão com a CGU, assumindo as responsabilidades de financiamento, captação de escolas, impressão, logística e aplicação do material didático, possibilitou o alcance de um número maior de escolas públicas e privadas nos 27 entes federados.

Além disso, verifique

CGU sorteia municípios para fiscalizar aplicação de recursos federais; Campo Novo de Rondônia será o único do Estado

A Controladoria Geral da União sorteou 60 municípios para receberem a visita in loco do …